FANDOM


Ângelo
Angêlo
Informações
Relacionamentos Nina (interesse amoroso)
Primeira Aparição Eles Cresceram!
Última Aparição Entre o Céu e o Inferno
A vida não oferece promessas nem garantias! Apenas oportunidades... e cabe somente aos que vivem não desperdiçá-las!

—Ângelo (TMJ100, pág 124)

Ângelo, brevemente conhecido como Céuboy, é um personagem da Turma da Mônica Jovem. Apareceu pela primeira vez na edição 1.

HistóriaEditar

Conhecido como Anjinho quando criança, atualmente ele adotou o nome Ângelo, mas também é conhecido como Céuboy, Céufirot e Angélico. No primeiro arco, ajuda o professor Falconi a localizar e recolher Artefatos Místicos. Suas asas ficaram maiores e ele possui a “Espada do Divino Alcance”. É conhecido por tantos nomes, que a turma não sabe qual o verdadeiro. Na edição 11, aparece conversando com Franja. Na edição 14, aparece no jogo e se diz ser Céufirot (paródia do vilão Sephiroth), o anjo de uma só asa; mas tenta voar e acaba caindo de um precipício. Na edição 15, Nimbus mostra a ela que Mônica estava na Terra dos IDs e se oferece para tirá-la de lá, na edição 16 escapa da terra dos Monstros ID. Na edição 17, ajuda a resgatar Nimbus, que havia sido sequestrado por Dr. Bikkuri. Na edição 18, comenta o fato de quase nunca aparecer na revista. Na edição 21, leva Mônica ao Morro da Coruja, onde a turma faria uma surpresa para comemorar o seu aniversário; mais tarde revela ser amigo de Benevides, a coruja gigante que habita o morro. Na edição 23, tenta tirar o Caderno do Riso de Cebola, o avisando que aquilo era um artefato feito pelos anjos e que precisava ser devolvido. Na edição 25, se torna o juiz da competição de patins entre Mônica e Cebola e Felipe e Luiza, anunciando o empate. Na edição 26, é par de Dorinha na valsa do aniversário de Marina. Na edição 27, leva Do Contra para o hospital, após ele tocar bateria sem seus protetores de ouvido. Na edição 46, conhece e se apaixona por Nina, que descobre ser uma ninfa protetora da natureza; por estar demonstrando sentimentos de humano, Ângelo quase deixa de ser anjo, mas abre mão de seus sentimentos e decide que sua prioridade é proteger as pessoas, aparece na edição 50 como cupido e é um dos convidados da edição 50. Aparece na edição 52 para levar Agnes para o céu ou o inferno, mas ela acaba indo para o céu. Aparece também na contracapa das edições 5, 22 e 46.Ângelo teve uma pequena participação na esição especial Mônica Jovem.

Turma da Mônica ClássicaEditar

Anjinho
Anjinho é o anjo do Bairro do Limoeiro; ele tem que ajudar os meninos e as meninas, sendo muito importante para a Turminha.